Reprodução/Divulgação

[RESENHA - SÉRIE] Amor em 4 Atos


Semana passada foi exibida na Globo, a micro-série “Amor em 4 Atos”, que possui músicas, pensamentos, etc., de Chico Buarque.

Apesar de curta, foi muito bem feita e produzida pela Academia de Filmes, que vem se destacando atualmente com a produção série e programas (na Band produz o humorístico “É Tudo Improviso”).
A série foi divida em 4 episódios, sendo os dois primeiros histórias únicas e os dois últimos uma sequencia. Com uma média de 35 minutos o programa teve uma audiência média de 18 pontos, de acordo com o site TV Audiência.

CUIDADO! CONTÉM SPOILERS!

Tijolinho!

Episódio 1: Ela faz cinema
Elenco: Antônio (Malvino Salvador), Letícia (Marjorie Estiano), Rafic (Cacá Rosset), Evelyn (Martha Nowill).
Frase do Episódio: “Não é porque o céu está nublado que as estrelas estão mortas”.

Letícia é cineasta, e está fazendo um clipe da música “Construção”, criada por Chico Buarque, mas no episódio é interpretada por Arnaldo Antunes. Namora André que faz parte da “nobreza”. Eles estão noivos, mas ela nunca foi apresentada a sua família, provavelmente porque sente vergonha dela.
Letícia estava em seu apartamento e começa a ficar irritada com o barulho da obra do apartamento de cima. Quando vai lá reclamar acaba se apaixonando por Antônio, o pedreiro que não consegue explicar sua profissão e Letícia acha que é engenheiro.
Da mesma forma que Letícia não contou a Antônio que era noiva, ele não tinha contado a ela que era pedreiro, apesar de seus colegas avisarem do perigo que estava correndo.
Já Rafic, é árabe e possui um trailer na frente da Estação da Sé, que vende comida típica. Ele é apaixonado pela voz da locutora da estação, mas nunca conseguiu descobrir quem era essa pessoa. Evelyn trabalha na Estação e entrega sempre a Rafic os quindins que sua mãe faz. O que é interessante da relação deles, é que ela também é apaixonada por ele, e ele pela voz dela. Evelyn sempre lembra Rafic que “ninguém pode viver sozinho”.


Episódio 2: O meu único defeito foi não saber te amar
Elenco: Lauro (Dalton Vigh), Maria (Carolina Ferraz), Dora (Gisele Froes), Fernando (Dudu Azevedo).
Frase do Episódio: “Te perdoo por pedires perdão/ Te perdoo por te trair/ Te perdoo por fazeres mil perguntas”.

Lauro é um homem separado que está vivendo com sua noiva, Maria. Ela é um pouco paranoica, vigia os emails dele, quer saber tudo o que está fazendo, etc.. O seu maior ciúme é a ex de Lauro, Dora. Ele esqueceu de avisar Maria, que Dora tinha sido convidada para a festa de aniversário dele.
Dora chega a festa com seu “namorado” (que na verdade é sobrinho), Fernando. Ele é jovem e atraiu a atenção de Maria quando pediu a ele ajuda-la a fechar o vestido.
Depois de um mergulhar na piscina com Fernando durante a festa, Maria, volta para dançar, fazendo que Lauro comece a ficar irritado e manda desligar tudo.
No fim de semana Dora e Fernando ficam na casa de Lauro com mais alguns amigos e aí começaram as relações de Maria e Fernando. Ela com o tempo começa a sentir ciúmes, pois as garotas mais jovens dão em cima dele.
Lauro se irrita com Maria e vai tirar satisfação dela, quando ela pede para parar de chamá-la de “baby”.
Em sua última brincadeira com Fernando, Maria perde sua aliança de compromisso com Lauro. Para reconquistar sua mulher e dignidade, Lauro busca a aliança com Fernando.


Episódio 3: Folhetim & Episódio 4: As Vitrines
Elenco: Ary (Vladimir Brichta), Selma (Camila Morgado), Vera (Alline Moraes), Ana (Alice Assef), Giovani (Gustavo Machado), Alexandre (Bruce Gomlevsky), Marcos (Osmar Prado).
Frases dos Episódios: “As mulheres mentem mais, mas os homens traem mais”.
“Quando o amor acaba é natural começar a mentir”

A história começa quando Ary está saindo do trabalho e diz que vai para casa ver se consegue conversar ou ter uma noite romântica com sua mulher. Como nada deu certo Ary vai a um bar e depois a uma boate, na Augusta, que seu amigo Alexandre disse que estaria.
Ary conhece nessa boate o travesti Ana (Anacleto), mas acaba saindo fora quando descobre isso. Vagando pelas ruas, reencontra Vera, que tinha conhecido no bar. Quando a viu, pensou que fosse o amor de sua vida, mas na verdade era uma prostituta que cobrava 500 reais por noite.
Após passar uma noite terrível, voltou para casa e sua mulher, Selma, deixa um recado pedindo para ele sair de casa. Ele após isso arruma suas malas e vai embora, a procura de um novo lar.
O corretor que apresenta a Ary seu novo apartamento é o mesmo que conheceu na noite anterior. Marcos é um corretor durante o dia e boêmio a noite.
Ary começa a sair com seu amigo Alexandre pela noite e conhece outras mulheres, masquem realmente ele queria naquele momento era Vera.
Depois de um cansativo dia de trabalho, Ary chega em casa e na sua porta tinha a carta da vizinha, que para sua surpresa era Vera. Ele pediu a ela, que pelo menos pudesse olhar para ela, já que não poderia tê-la como sua.
Vera conta a Ana que depois que Ary fez o pedido, foi a primeira vez que tinha esquecido do seu ex (que se matou no dia do casamento).
Em uma noite, Vera e Ana estão saindo para trabalhar e encontram Ary no caminho. Ana o reconhece e dá risada do acaso. Vera derruba sua echarpe no chão e Ary resolve ir atrás dela para entregar. Na boate que o amigo de Ary recomendou, um velho estava tentando covencer Vera de fazer um programa mais longo pelo fim de semana, já que ela não aceita ele tenta machucá-la. Ary a defende e Vera percebe que El é o homem que estava procurando a muito tempo.

Dica para as mulheres que leem o blog: se tiver celulite e quiser disfarçar, passe laquê.
By Ana/Anacleto

Espero que tenham gostado do post e quero agradecer o blog do V[C]Vix Vídeos por disponibilizar a série em HD, para os reles mortais que não tem acesso a essa tecnologia!

Obrigado pelos acessos e esperamos muito mais!
Divulguem!
Comentem!
Até o próximo post!

[RESENHA - SÉRIE] Amor em 4 Atos [RESENHA - SÉRIE] Amor em 4 Atos Reviewed by Lucio Pozzobon on 12:54:00 Rating: 5