Reprodução/Divulgação

O crescimento pessoal e profissional de Selena Gomez


O caminho para se tornar uma estrela respeitada em Hollywood pode ser longo, solitário e complicado, mas, ao contrário do que muitos podem imaginar, nem todos se perdem no mar de mentiras e traições que a cidade dos sonhos tem a apresentar hoje em dia. Existem aqueles que conseguem se destacar apenas pelo talento e não por sua turbulenta vida pessoal, e Selena Gomez esta ai para provar a nossa teoria, para se fazer sucesso, não é preciso ter uma lingua ferina, atitudes exageradas e uma sex tape. Para a garota de 21 anos do Texas, para ser alguém no ramo, é preciso apenas ter talento!

Gomez nasceu na cidade de Nova York, mas foi criada no Texas ao lado da Mãe, adolescente de apenas 16 anos, que teve que lutar para criar Selena e pagar todas as suas contas. Seus pais se separaram quando ela era pequena, mas mesmo assim, Selena afirma ter tido uma ótima educação. Na recente edição da revista Seventeen, Selena foi escolhida como a garota mais poderosa antes dos 21, e ao contrario do que muitos acreditam, ela realmente se acha poderosa, e afirma ser feminista assim como as colegas de trabalho Demi Lovato e Taylor Swift. 

- "Por isso eu amo a Demi e Taylor [Swift] – elas apoiam o feminismo e amam ter aquele poder! Eu queria que as garotas pudessem parar de machucar umas as outras. É tudo competitividade – no fashion, melhores amigas, e garotos, garotos, garotos! Meu desejo é que as garotas se amassem mais."


O sucesso surgiu cedo. Bem antes dos 18 anos, Selena  era conhecida como "Garota Prodígio", afinal, uma serie de tv famosa, dois álbuns de sucesso, e começando a ficar conhecida no cinema, Selena viu os Holofotes apontados para sua grande cabeça, e hoje, com 21 anos, Gomez afirma que ainda não encontrou seu lugar no ramo.

- "É fácil eu ir gravar um filme teen, é muito fácil para mim e eu não quero fazer parte de algo assim. Eu quero poder me desafiar e ver até onde consigo ir, me arriscar."

Durante sua passagem pelo festival de Sundance aonde seu mais recente filme, “Rudderless” foi aplaudido de pé por vários minutos. Selena afirmou que esse é o caminho certo a ser seguido, e que adora ser desafiada por grandes papéis. Aliás, ela confirmou ter usado problemas pessoais para trabalhar em cenas mais emocionais.

- "Ela [sua personagem]  estava sentindo muita dor e ódio, foi a oportunidade perfeita para eu fazer isso antes de colocar vestidos brilhantes e ser feliz no palco. Então foi ótimo..."

Desde que "Feiticeiros de Waverly Place", seu programa teen no Disney Channel, terminou, Selena vem se dedicando a papeis mais dramáticos que o costume. Depois dos filmes juvenis como "Ramona and Beezus" e "Monte Carlo", este último tendo um destaque maior como protagonista, Selena resolveu se ariscar nas mãos de um dos diretores mais contraditórios e polêmicos do cinema, Harmony Korine, assim começou 'Spring Breakers'filme escolhido como um dos melhores do festival de Veneza, Selena se viu finalmente envolvida em um projeto grande e que realmente lhe traria mais espaço na industria. Gomez não teve medo de se arriscar e embarcou de cabeça no filme, esquecendo seu passado como Garota da Disney, e ao lado de Vanessa Hudgens (um grande exemplo de que ter feito parte da Disney não é pecado) e James Franco, Selena viu seu nome em destaque, recebendo elogios, criticas positivas e animadoras dos tabloides que vinham criticando seu trabalho durante anos. Seria esse um novo começo na carreira cinematográfica de Selena, seria ela levada mais a serio pelos seus colegas de profissão?

- "Eu pensei que essa era uma maneira de me jogar para dentro de um grande campo de atuação, basicamente. Seria um indie de baixo orçamento. Harmony estava dando chances para a gente improvisar. Isso é muito refrescante e raro. É o sonho de um ator, de certa forma."

Gomez acertou cheio se achou que o exagero proposital de Spring Breakers a levaria a alguma coisa, pois levou. Depois da estreia do longa nos mais famosos festivais do mundo, Gomez vem estudando várias propostas para dar o próximo passo, mas isso não a impede de cometer alguns erros, entre eles o filme de ação "Resgate em Alta Velocidade" aonde atua do lado de Ethan Hawke e Jon Voight. Dois veteranos do cinema que também embarcaram em um péssimo roteiro e direção fraca. O lado bom da coisa foi a resposta da mídia em relação ao fracasso do filme, nenhum dos atores envolvidos foi acusado de ter sido o pivô do fracasso do mesmo. Mas isso não impediu Selena de ser indicada ao Framboesa de Ouro pela atuação como pior atriz. O premio já foi levado por artistas como Sandra Bullock e Halle Berry, ambas ganhadoras do Oscar, ou seja, Selena não tem muito com o que se preocupar com a indicação, afinal, o ramo sempre terá seu lado critico e destrutivo. Gomez ainda tem seu nome envolvido em duas futuras produções que podem chamar ainda mais a atenção para si mesma, a comédia adulta "Behaving Badly" aonde estará metida com drogas novamente, e a adaptação do Best Seller "13 Reasons Why", sendo esse último ainda em pré-produção.

“Esse ano foi o que eu realmente comecei a me sentir poderosa. Eu sempre fui inferior secretamente. Eu estava no Disney quando tinha a Miley [Cyrus], os Jonas Brothers e a Demi [Lovato]. Embora o meu show estivesse crescendo, parecia que eu estava colocando muito trabalho e vendo nenhum resultado...  Eu fico feliz que levou todo esse tempo para chegar aonde eu cheguei porque agora eu estou preparada.” 

Agora com a estreia de “Rudderless” no festival de Sundance, Selena reafirma estar mais decidida sobre o que quer fazer com sua carreira. A atuação sempre foi e sempre será sua paixão, por isso pretende continuar se arriscando e se aprimorando cada vez mais, sem deixar a musica de lado. E nem deveria, afinal, seu último álbum ''Stars Dance" e seu single multipremiado "Come and Get It" renderam os primeiros número #1 nas principais tabelas musicais, levando Selena pela primeira vez ao palco do MTV Video Music Awards, e dessa vez para receber um prêmio e não para dar ele a alguém. Concorrendo contra artistas consagrados como Bruno Mars, Justin Timberlake e sua colega de Disney Miley Cyrus, Selena levou a melhor e faturou o premio de Melhor Vídeo Pop do Ano por "Come And Get It". Emocionada, ela só pode agradecer aos fãs e familiares pelo amor e apoio durante os anos.

Não adianta negar, Selena se encontra em uma fase fácil de se cometer erros, mas consegue com graça e talento, se sobressair por aquilo que oferece a industria, e não pelos erros cometidos pela idade.

Seja na música ou no cinema, Selena vem conquistando prêmios e êxitos que colocam seu nome cada vez mais em destaque. Quem sabe um dia veremos Gomez recendo um Grammy ou um Oscar por um de seus futuros trabalhos, afinal, para aquele que está crescendo cada vez mais, sonhar mais alto não faz mal a ninguém, e depois de anos no ramo, Selena  provou que tem e muito potencial para conquistar o que sempre sonhou: o tão merecido reconhecimento.

O crescimento pessoal e profissional de Selena Gomez O crescimento pessoal e profissional de Selena Gomez Reviewed by juan almeida on 19:57:00 Rating: 5