Reprodução/Divulgação

'Selva de Gafanhotos', de Andrew Smith


"Selva de Gafanhotos", é o novo livro de Andrew Smith, lançado pela Editora Intrínseca. Na história, reconhecemos um pouco de tudo dos livros adolescentes: amizade, sexo, bullying e orientação sexual. Só que o livro deixa de ser um Young Adult comum quando a cidade dos personagens começa a ser atacada por gafanhotos gigantes.

Austin é um garoto de Ealing, Iowa. A cidade é minúscula, quase nada acontece por lá e se não fosse pela companhia de seu melhor amigo Robby e sua namorada Shann, provavelmente ele viveria em um grande tédio.

Austin e Robby são amigos desde a infância, estudam na mesma escola e vivem naquele momento em que várias dúvidas surgem na vida de um adolescente. Os dois adoram andar de skate na Selva de Gafanhotos, um espaço atrás do centro comercial da cidade, onde tem muito espaço para eles praticarem.

Uma das principais atividades do dia de Austin é escrever e desenhar. Ele usa esses dons para descrever em diários o que aconteceu em seu dia, principalmente se forem coisas estranhas de seus conhecidos ou dos vendedores do centro comercial. O objetivo dele é que esses diários sirvam de referência, caso aconteça algo de muito ruim com a humanidade.

Austin mora com seus pais, a cadela Ingrid e aguarda o retorno de seu irmão, que foi para o Afeganistão. Robby mora com sua mãe, que trabalha quase todo o dia. Shann mora com sua mãe e padrasto, que tem um antiquário onde Austin ajuda nos fins de semana. E foi em um fim de dia que o início do apocalipse começou.

O padrasto de Shann escondia algo muito importante dentro de sua sala no antiquário, porém, ele não permita que ninguém entrasse nela. Mas, em uma noite, Austin e Robby aproveitaram que a curiosidade aumentou e entraram lá para ver o que encontrariam. Para a surpresa deles, viram vários recipientes com mofo, um bebê de duas cabeças e outras bizarrices. O que não esperavam era que na mesma noite Grant Wallace - o valentão que, junto com seus amigos, bateram em Austin e Robby - também fosse invadir o espaço.

Grant e seus amigos roubaram um desses recipientes e como eram muito descuidados, quebraram. Claro, tudo o que tinha ali dentro começou a se espalhar entre as pessoas que entraram em contato com eles. Aquilo em contato com um ser humano, criava um Soldado Irrefreável em forma de um grande gafanhoto.

No desespero da situação, Austin e Robby percebem que precisam fazer algo para fugir dos ataques. Foi aí que Shann convidou eles para explorar um antigo silo que tinha atrás de sua casa. Só que agora ele estava destruído e só sobrou uma entrada para um tipo de bunker: o Éden. O espaço tinha sido criado por um parente de Shann que já havia morrido e lá encontrariam (quase) todas as soluções para seus problemas.



"Selva de Gafanhotos" é um dos livros mais malucos que li nos últimos tempos. Em capítulos curtos, ele tem um enredo surpreendente e faz você querer saber o que vai acontecer nas próximas páginas. O universo criado por Andrew Smith foi incrível! Seus personagens encantam o leitor e em certos momentos parece um roteiro de um filme/série.

Apesar de ser um livro único, achei que o autor deixou um final aberto para uma possível continuação, conto, etc. Seria uma ótima ideia trazer um pouco mais desse universo para os leitores.

'Selva de Gafanhotos', de Andrew Smith 'Selva de Gafanhotos', de Andrew Smith Reviewed by Lucio Pozzobon on 15:00:00 Rating: 5