Reprodução/Divulgação


No sábado (11/06) ocorreu o painel (de três horas) da Warner Bros na San Diego Comic-Con, estúdio que detém os direitos dos personagens da DC Comics e da Vertigo. Assim, tivemos novidades de Arrow, The Flash, Gotham, Supergirl, Legends of Tomorrow, todas do selo DC Comics, e também iZombie e Lucifer, do selo Vertigo.

O painel começou com Ian Somerhalder de The Vampire Diaries, tomando conta do palco para apresentar o elenco de Arrow que veio falar sobre o rumo que a série vai ter em sua quarta temporada. Confira o vídeo apresentado antes do elenco entrar no palco:



Depois do vídeo Stephen Amell entrou no palco com o novo traje do Arqueiro. "San Diego Comic-Con, vocês não falharam com esta cidade," disse Amell, falando como seu personagem. "Sempre perdi pessoas, mas Star City ainda precisa de heróis. Todos vocês chegaram tão longe, e peço para irem um pouco mais, com o Arqueiro Verde."

Depois de troca de roupa, Amell voltou acompanhado pelos colegas de elenco: Katie Cassidy, Emily BettRickards, David Ramsey, Paul Blackthorne, John Barrowman e Willa Holland. Se juntando a eles, Geoff Johns, o diretor de comunicação da DC e os produtores executivos de Arrow, Marc Guggenheim, Greg Berlandi, Wendy Mericle e Andrew Kriesberg.

"Nós sempre falamos que Oliver iria crescer como herói, indo de Arqueiro para Arqueiro Verde. Este é nosso próximo passo,” disse Berlanti. Ele ainda conta que a nova temporada vai ser sobre quem Oliver vai se tornar, e não sobre quem ele era. Enquanto que Kriesberg completa dizendo que Oliver estará em um “lugar melhor” na estréia da nova temporada. "Ele está feliz, está apaixonado", revelou Kreisberg. "Acho que esse sentimento todo vai fundir com seu caráter." Ele termina revelando que a nova temporada terá mais humor, mas que ainda terá pessoas atirando flechas e cenas na chuva.

Geoff Johns falou um pouco sobre o novo membro do elenco, o ator Neal McDonough, que irá interpretar o vilão Damien Darhk na nova temporada. Porém Johns também revelou que outro vilão virá atrás de Darhk.

"Há um monte de personagens chegando que as pessoas realmente não vão adivinhar, mas que vão dar as caras em breve." Já o co-roteirista, Marc Guggenheim, conta que Anarquia e o Senhor Incrível serão introduzidos na quarta temporada e Berlanti completa, "Senhor Incrível começa a trabalhar com Felicity. Na nossa versão ele também será gay”.

Willa Holland revelou que ela vai usar um traje de couro vermelho como Speedy na nova temporada. "Eu derramei lágrimas de alegria quando eu experimentei a roupa pela primeira vez,” disse Holland. Barrowman por outro lado conta que talvez Malcolm não vista o capuz da redenção nessa temporada ou assumirá o capuz de Ra’s al Ghul, levando Guggenheim a dizer que ele vai vestir a capa no terceiro episódio.

A conversa do figurino continuou com David Ramsey dizendo que a barba que ele está no painel naquele momento também será parte do seu visual na nova temporada. "Não sei se Diggle vai vestir uma máscara," ele ainda acrescenta que Diggle tem uma fantasia de super-herói na nova temporada e brinca dizendo que o chama de "Motorista de Preto”.

É então aberto o microfone para perguntas dos fãs. Amell é questionado se seu personagem será menos rígido e mais "engraçado" como ele é nos quadrinhos. "Eu acabei de pedir para seguirem o Arqueiro Verde," responde Amell referindo ao seu monólogo no início do painel, "Então eu acho que nós vamos ser mais Arqueiro Verde nessa temporada”.

Em seguida foi feito uma pergunta sobre as mudanças na dinâmica dos personagens na nova temporada. Amell diz que estará mais aberto para os outros personagens, se referindo especificamente para os que sabem sobre sua identidade secreta. Ele termina dizendo que isso abre conexões entre Laurel e Thea, bem como Malcolm e Felicity.

O painel termina e logo em seguida é mostrado um vídeo resumindo a primeira temporada de The Flash, o próximo painel da DC Comics naquela noite, e uma novidade sobre a nova temporada é mostrada no vídeo. Confira:



Logo depois do vídeo, o elenco de The Flash foi trazido no palco: Grant Gustin, Candice Patton, John Wesley Shipp, Carlos Valdes, Tom Cavanagh e Danielle Panabaker, com Andrew Kreisberg, Greg Berlanti e Geoff Johns ainda permanecendo no palco depois do painel de Arrow.

A conversa começou diretamente para essa menção de Zoom no trailer. Kreisberg diz que ele vai ser o "grande mau" da nova temporada. "Ele vai ser mais rápido que o Flash Reverso, mais rápido que o Flash, e vai ser muito difícil de pegá-lo."

Teddy Sears foi confirmado como novo membro do elenco, ele vai interpretar Jay Garrick na nova temporada. Shantel VanSanten também ingressa ao elenco como Patty Spivot. Foi confirmado que o personagem Wally West vai aparecer na nova temporada, mas por enquanto sem ator definido.

Sears é mais conhecido por seu papel em Masters of Sex da Showtime, enquanto VanSanten é famosa pela queridinha One Tree Hill. "Jay Garrick é parte fundamental da mitologia de Flash," diz Kreisberg "E ele realmente nunca foi retratado em live action. Agora que nós estabelecemos nosso Flash, nós pensamos que seria interessante trazer o Flash original e criar um episódio novo para o Barry”.

A segunda temporada de The Flash vai começar logo após os acontecimentos do final da primeira e adicionará os personagens da Terra-2 do universo DC, trazendo uma nova onda de meta-humanos. "Este ano vamos apresentar personagens da Terra-2," revela Berlanti. "Obviamente é de onde Jay vem.”

Valdes falou um pouco sobre o seu personagem, Cisco, que no final descobre que também foi atingido pela mesma energia que deu poderes à meta-humanos. "Como os fãs viram na segunda metade da primeira temporada, Cisco começa a ter estes sonhos e começa a passar por estas mudanças biológicas que ocorrem em sua mente e isso só aumenta ao longo do tempo, e sim, na segunda temporada abordaremos como Cisco irá lidar com essas mudanças." E Panabaker acrescenta que ela está "mais que animada" sobre sua personagem se tornar um dia a Nevasca.

Quando perguntado sobre mais adições à equipe de Flash, Kreisberg disse que vai haver retornos dos favoritos como Grodd, Capitão Frio, Patinadora Dourada e alguns novos vilões além do Professor Zoom. "Zoom vai ser terrível, assustador e rápido, e vai ser muito incrível vê-lo,” completa Kreisberg.

Depois dessa declaração o painel se encerra e agora é a vez de Legends of Tomorrow. Um vídeo é mostrado, o trailer já lançado alguns meses atrás, e logo no final é exibido uma arte com todos os personagens.

Berlanti, Kreisberg e Guggenheim continuam no palco enquanto que o moderador do painel chama os membros do elenco, Ciara Renee, Brandon Routh, Wentworth Miller, Dominic Purcell, Caity Lotz, Victor Garber e o roteirista principal da série, Phil Klemmer, junto com os produtores, Ali Adler, Andrew Kreisberg.

Guggenheim começou revelando que as novas temporadas de The Flash e Arrow vão se encontrar com Legends of Tomorrow em alguns episódios, com os anuais crossovers, mas que isso só ocorrerá na mid-season (entre Janeiro e Maio) quando a nova série estrear.

Routh disse que ele acha que seu personagem, Ray Palmer (Átomo), terá um desejo de liderar esta equipe em algum momento. Caity Lotz conta que a Canário Branco não terá apenas uma mudança de visual, mas também que o Poço de Lázaro a mudou. "Quero que ela fique louca, fora de si”, diz Lotz. "Esse é meu plano.” Purcell disse que seu personagem, o Onda Térmica, está "chateado" por se juntar à equipe, mas que não tem outra escolha, enquanto que Capitão Frio vai encontrar o que fazer, e Professor Stein e Palmer vão se entender.

O grande vilão da temporada de estreia será Vandal Savage. "É parte da diversão do show, Como você derrota alguém que é imortal?", diz Kreisberg. A equipe vai lutar com Savage em vários períodos de tempo durante a série, ele completa. "Legends of Tomorrow é tudo sobre ter ideias malucas. A série será uma viagem maluca.”

O único ator veterano da série, Victor Garber, disse que estar na Comic-Con é uma experiência esmagadora e agradeceu aos fãs. Falando sobre seu personagem, o Professor Stein (que é a metade de Nuclear), Garber disse "Ele tem certa arrogância que faz acreditar que ele é realmente capaz de mediar esta família disfuncional”.

Renee conta que ela leu "um milhão" de HQs para se preparar para sua personagem, Mulher-Gavião, e também que está fazendo treinamento físico, tais como o boxe e krav maga. Johns termina acrescentando que o Gavião Negro também aparecerá em algum ponto na história da série.

Berlanti, que é produtor executivo de todas as séries apresentadas até aquele momento, agradece os fãs pelo apoio que tiveram. Guggenheim adiciona dizendo: "Eu acho que uma das grandes coisas sobre o show é que nós conseguimos visitar todos estes cantos diferentes do universo DC, durante o tempo todo. Nós vamos poder ir a todos esses lugares e momentos incríveis".

Confira o trailer da nova série:

O painel termina e dessa vez é hora de Gotham falar um pouco sobre a nova temporada. Um vídeo é mostrado antes de o elenco entrar, onde mostra novas cenas e alguns personagens do Asilo Arkham.

Johns permaneceu no palco e logo em seguida o elenco de Gotham começou a entrar. Ben McKenzie, Donal Logue, Robin Lord Taylor, Sean Petwee, Carmen Bicondova, Morena Baccarin, David Mazousz, Erin Richards e Cory Michael Smith, bem como os produtores executivos, Bruno Heller, John Stephens e Danny Cannon que começaram a contar novidades sobre a segunda temporada da série.

"Esta temporada será maior, mais colorida, mais intensa e mais emocionante," disse Heller. Johns disse que Heller vai levar a série para algo semelhante ao que ele fez com a série Rome. "Há muitas histórias para contar sobre o Batman do que qualquer outro personagem já existido," completa Johns "Você precisa de alguém como o Bruno para organizar as coisas".

Heller revela que a segunda temporada será sobre a ascensão dos vilões mais malucos de Gotham, seguindo de simples criminosos e mafiosos, para vilões mais caricatos e icônicos como nos quadrinhos. "Novos heróis serão introduzidos que estarão entre os mocinhos," disse McKenzie, que interpreta James Gordon. "E eles tem que se unir para lutar contra esses vilões."

Enquanto isso a relação de Gordon com Harvey Bullock, interpretado por Donal Logue, foi bem atingida, McKenzie disse que haverá "respeito mútuo" e está se transformando em uma "parceria que pode durar anos." Logue diz que Gordon começou inicialmente revigorado, mas que seu personagem sai "derrotado" após o final da primeira temporada. "A forma que encontramos Harvey na segunda temporada será muito intensa," Logue revela. "Ele pode ser um pouco mais pessimista do que Gordon sobre nossas chances de deter a maré de azar que está vindo."

É perguntado como estará a relação de Gordon com Barbara. "A relação entre eu e Jim mudou bastante", diz Richards. “Porque eu matei meus pais e ele é um oficial de polícia. Então isso é tenso, para dizer o mínimo." Heller acrescenta que Barbara é "A ex-namorada maluca do inferno, mas também a história é cheia de potencial. É um tremendo potencial." Já Sean Pertwee fala que na nova temporada, a relação entre seu personagem Alfred e o jovem Bruce Wayne será aprofundada.

Robin Lord Taylor é então perguntado sobre seu personagem Oswald Cobblepot, o ator diz que ele está em um novo nível. "Ele alcançou seu objetivo. Ele é o rei de Gotham,” explica Taylor. "Ele passou toda a primeira temporada preparando o terreno. Ele sabe que uma vez que você chega ao topo, terá alguém que vai acabar te empurrando de volta ao fundo do poço. Ele está preparado pra lutar e ficar lá em cima."

O ator Cameron Monaghan aparece no meio da multidão e interrompe o painel na tentativa de fazer uma pergunta para McKenzie, "Qual é sua tolerância à dor?" Monaghan interpreta Jerome, quem a Fox sugeriu fortemente que se tornaria o Coringa. Os seguranças agarram Monaghan e o levam para fora do teatro. McKenzie entra na brincadeira e canaliza Jim Gordon dizendo, “Eu vou te encontra Jerome, e eu vou acabar com você”.

Depois disso o painel termina e começa a exibição de um novo vídeo com o trailer da próxima série. Era a hora do primeiro painel de Supergirl.

Depois que o trailer é exibido, o palco é redefinido e um novo grupo aparece. Do elenco de Supergirl, Melissa Benoist, Chyler Leigh, Jeremy Jordan, David Harwood e Mehcad Brooks, seguido pelos produtores executivos, Greg Berlanti, Ali Adler, Andrew Kreisberg, Sara Scheckter e Geoff Johns.

Adler começa dizendo "A história de Supergirl precisava ser contada. Nós precisávamos de uma super-heroína na TV, um exemplo de mulher poderosa para as meninas se espelharem. Ela vai ser f*da”. Johns completa dizendo que uma série de super-herói protagonizado por uma mulher precisava ser feita, e Berlanti acrescenta que eles estão seguindo o máximo possível a história das HQs.

Em seguida, Kreisberg falou sobre como a Warner Bros., a CBS e a DC encontraram a atriz perfeita para interpretar a Supergirl. "Nós vimos milhares de mulheres, e Melissa foi a primeira que eu vi. Coincidentemente tanto Stephen Amell de Arrow e Grant Gustin de The Flash também foram as primeiras pessoas das audições que vi.” Melissa falou sobre o lado mais pessimista sobre a audição, lembrando que depois de ter feito ficou pensando "Eu estraguei tudo. Isso foi terrível." A atriz descreve que a primeira vez que vestiu o uniforme foi emocionante, mas descreve, "É difícil de articular a forma que ela se sente. Isso realmente a transforma internamente. É impossível não se sentir poderosa e sentir esperança, força e bravura quando vou usá-lo. Me sinto como uma pessoa diferente."

Harwood falou sobre seu personagem Hank Henshaw, que nas HQs, se torna o Superciborgue. "Eu gosto de manter as pessoas curiosas, então por enquanto está tudo bem calmo, esse personagem ainda tem seu lado bom e mal," Hareood, explica. "Você não sabe se ele tem boas intenções ou más. Você só vai ter que esperar para ver."

Adler, em seguida, revelou três novas adições ao show: Livewire, Reactron e Maxwell Lord. Lord será interpretado por Peter Facinelli de Crepúsculo, que depois do anúncio se juntou ao painel, afirmando que a última vez que ele esteve no Hall H foi para promover o último filme da saga Crepúsculo. Kreisberg continua, apontando que Supergirl é profundamente inspirado por Superman: O Filme de Richard Donner em seus tons positivos.

Depois disso, o elenco se despediu e então foi exibido o episódio piloto (já vazado na internet) de Supergirl.



Um dia antes, na sexta-feira (10/07) teve o painel de iZombie, a grande surpresa desse ano. Ao palco subiram Rose McIver, Malcolm Goodwin, Rahul Kohli, Robert Buckley, David Anders e Aly Michalka, juntamente com os produtores do seriado, Rob Thomas e Diane Ruggiero-Wright.

O painel começou com Rob Thomas revelando que Aly Michalka retornará na segunda temporada como Peyton, colega de apartamento de Liv, que nos episódios finais da primeira temporada descobriu o grande segredo de Liv. “Veremos como a amizade delas será daqui em diante,” revela Thomas. “Mas ao mesmo tempo será arriscado, como todos na vida de Liv”. Diane termina dizendo que a relação de Peyton e Ravi será mais aprofundada.

Thomas sem rodeios conta que "Quase todos odeiam Liv nessa temporada. Major ainda está chateado que ela não lhe contou sobre seu segredo de ser um zumbi, Peyton ainda continua com sua viagem pela a Europa e por razões que provavelmente vocês conhecem, e Liv ficará brigada com todos os membros vivos de sua família. Essa temporada vai ser um filme deprimente".

Mas o segundo ano não será só de tristeza e melancolia. A estrela da série, Rose McIver, revelou que haverá diversas personalidades que sua personagem vai assumir nessa montanha russa de emoções, uma delas vai exigir que ela toque guitarra. E Thomas alegremente compartilha dizendo que haverá cérebro de um velho rabugento, cérebro de um garoto de fraternidade e cérebro de uma Real Housewife de Seatle.

David Anders diz que “não poderia estar mais animado” para interpretar o lado não-zumbi de Blaine. "Nós estamos humanizando Blaine," diz Anders. "Como ator, seu sonho é diversificar seu portfólio. Quando você pode diversificar dentro da mesma série, em menos de 14 episódios, é tipo um sonho."

E parece que o relacionamento de Blaine e Liv está prestes a ficar complicado, com o dono de Max Rager querendo erradicar a população de zumbis de Seattle. “Isso vai ser uma grande história na segunda temporada”, revela Thomas. “De repente, os zumbis que estavam na defensiva na primeira temporada vão ser um pouco mais agressivos nesse novo ano. Ele vai fazer com que Blaine e Liv virem estranhos companheiros e ambos estarão preocupados com o ataque de zumbis em Seattle.”

Isso significa que Blaine e Liv possam ter um relacionamento amoroso? “Parem de ler meu diário” brinca Diane sobre o questionamento. Ela ainda completa dizendo que pra ela isso pode ter chances de acontecer, enquanto que Rob interrompe imediatamente e veta a ideia, explicando que Blaine é um assassino sem sentimentos. Para isso, Diane responde, “Se tem alguém que pode se safar por matar crianças desamparadas, é David Anders!” Rob termina dizendo, “Talvez vire algo mais, mas só talvez, vamos pensar sobre isso”.

Rob Thomas termina o painel dizendo que apesar do canal CW ter encomendado apenas 13 episódios nesse segundo ano, ele garante que esse número pode aumentar para 22 episódios, só depende da audiência.

O painel terminou com um vídeo relembrando os melhores momentos da Primeira Temporada:


Aconteceu também na sexta (10/07) o primeiro painel de Lucifer, nova série da Fox em parceira com a Warner Bros. que adapta a história das HQs com o mesmo nome. Na série, Lucifer está vivendo entre nós. Logo depois do episódio piloto ser exibido, os atores Tom Ellis, Lauren German, Lesley-Ann Brandt e D.B. Woodside e os produtores Joe Henderson, Len Wiseman, Ildy Modrovich e Jonathan Littman, subiram no palco.

Joe Henderson começou o painel dizendo o quanto foi difícil transformar a história das HQs de Neil Gaiman em um procedural semanal, “Nosso desafio é que o nosso show é muito fundamentado. Como devemos fazer um arco de histórias sobre Lucifer, que criou seu próprio mundo onde ele pode ser seu próprio Deus?”.

O ator Tom Ellis, o protagonista, contou como esse desafio é mais que bem-vindo. “Ele saltou pra fora das páginas pra mim,” completou. “Ele era quase como se fosse um personagem de Oscar Wilde. Estou me baseando na imagem de que Lucifer é o fruto de uma noite de amor de Mick Jagger com Noel Coward.” Jonathan Littman termina dizendo, “Ele é ligeiro, dono de uma boate. Mas quando ele está com uma popstar e ela é assassinada, algo apita dentro dele. É basicamente assim que nossa série começa a se desenvolver.”

Lauren German, que vai interpretar a bela detetive do departamento de homicídios de Los Angeles, Chloe Dancer, vai chamar atenção de Lucifer, quem ele vai ajudar a solucionar os seus casos, “Sinceramente, não posso falar que ela não se aproveita disso tudo. Ela está usando das habilidades dele para conseguir o que quer, então, até que se prove o contrário, ele é uma boa pessoa para ela,” conta Lauren.

Enquanto isso, o ator D.B. Woodside vai interpretar Amenadiel, um anjo enviado por Deus que estará caçando nosso protagonista, sempre exigindo que ele volte de onde veio, ou seja, o inferno!

“Queremos uma série onde o demônio bata no peito e fale quem é. Existem várias versões de demônio por aí, queremos que a nossa seja diferente, original. Ele tem que chegar e falar "Sou Luficer, pergunte-me o que quiser’ sem medo de se assumir", afirma Wiseman. Ele então termina o painel contando que uma das cenas mais engraçadas ficou por conta de Rachel Harris, que vive a terapeuta de Lucifer, e quando se vê em frente do próprio satã em pessoa, acaba tendo uma reação inusitada.

Confira o trailer da nova série abaixo:


Ansiosos para a estreia de novas temporadas e de novas séries? Então não perca as datas: The Flash e iZombie retornam dia 6 de Outubro, enquanto Arrow retorna no dia seguinte, 7 de Outubro. Gotham retorna dia 24 de Setembro, e 26 de Outubro é a hora de Supergirl ganhar vida, enquanto que Legends of Tomorrow e Lucifer estão programados para ir ao ar no primeiro trimestre de 2016.

DC Comics na Comic Con 2015 | Resumo do painel DC Comics na Comic Con 2015 | Resumo do painel Reviewed by Roberto de Carvalho Neto on 10:10:00 Rating: 5