Reprodução/Divulgação

'A Menina que Roubava Livros' comemora 10 anos de lançamento no Brasil

'A Menina que Roubava Livros', não foi o primeiro livro do australiano Markus Zusak, porém foi primeiro a virar um fenômeno mundial. O livro marcou a vida de muitas pessoas, tanto por ser um livro emocionante como incentivo para outras leituras. No Brasil o livro teve lançamento em duas versões pela Editora Intrínseca: a primeira em 2007 e a segunda em 2014, com a capa do filme.


Hoje, 15 de fevereiro, a publicação completa 10 anos de lançamento no Brasil e ainda é um dos livros mais vendidos e lido da Intríseca. Nele conhecemos a história de Liesel, uma menina que vive no subúrbio de uma cidade alemã em meados a segunda guerra, quando seu pai adotivo a ensina a ler e assim a menina encontra um refúgio para a dor na leitura. E em roubar livros!

Quando a morte conta uma história, você deve parar para ler.

O livro pode parecer um pouco lento para quem está acostumado com romances agitados ou suspenses. A narrativa em alguns momentos pode ser tão mórbida quanto a própria história, porém, a saga de Liesel para manter-se viva e sobreviver a dor de perder todos os que ama para a crueldade é comovente até mesmo para a própria morte, que narra a historia e conseguiu me prender.

'A Menina que Roubava Livros' é muito mais que um mero romance escrito por um australiano que narra os tempos de guerra, o livro traz consigo lições que tocam a alma para aqueles que conseguem interpretar a poesia nas entrelinhas narradas pela morte. E ainda deixa o pensamento: até onde a crueldade humana pode chegar?

O filme, inspirado no livro, foi lançado em 2013, teve direção de Brian Percival e no elenco Roger Allam, como a voz da Morte e Sophie Nélisse, como Liesel Meminger. Ele arrancou muitas lágrimas do público e teve uma bela adaptação da história.


'A Menina que Roubava Livros' comemora 10 anos de lançamento no Brasil 'A Menina que Roubava Livros' comemora 10 anos de lançamento no Brasil Reviewed by Lexie on 09:45:00 Rating: 5