Reprodução/Divulgação

Na última semana o Prego, Espaço Multigastronômico, novo restaurante de Santa Maria-RS, realizou um dos seus eventos teste, que vão ajudar a formar seu cardápio final. Com a ideia de trazer o melhor da culinária luso-ítalo-brasileira, na noite que participei da experiência foi a vez dos risotos (ou Risottos, como no original, com dois T's).

Confesso que logo de cara me deparei com um estilo de restaurante diferente do que estou acostumado. Poucos restaurantes da cidade oferecem cardápios fechados, com entrada, salada, prato principal (no caso pratos, pois foram três) e sobremesa. Então existia uma grande expectativa para o serviço.

Bruschettas de Tomate com Manjericão

Começando com a entrada: Bruschettas de Tomate com Manjericão, servida em 3 unidades para cada cliente. As fatias de pão foram bem cortadas e tostadas para acompanhar o tomate e manjericão. Sem dúvidas um prato que poderia ser repetido mais de uma vez se possível. Estavam muito gostosas e bem temperadas.

salada

Logo na sequência foi servida a salada. Como apresentado no menu, seria uma salada com folhas da estação. O prato acompanhou alface, rúcula e agrião. O tempero ficava ao gosto do cliente, com azeite de oliva e sal. Talvez, para uma próxima vez, a salada possa acompanhar os risotos, para ela não ficar tão "sozinha" no prato.

Cogumelos Paris (in natura) e geleia de pimenta
Aspargos verdes (in natura) e queijo Brie

Seguindo para os pratos principais, cada cliente teria direito a três risotos, sendo que foram disponibilizadas 4 opções: Cogumelos Paris (in natura) e geleia de pimentaAspargos verdes (in natura) e queijo BrieCamarões com salpicos de Tomates Secos; e Salmão. No meu caso, o risoto de aspargos ficou de fora (optei pelo de Camarões), mas ele será experimentado em outra ocasião.

Dentre os três, sem dúvidas meu favorito foi o de Cogumelos Paris. Talvez seja também pela minha nova paixão gastronômica, que é a pimenta. A pimenta vermelha, que estava no topo do risoto, e a geleia trouxeram um resultado excelente.

Camarões com salpicos de Tomates Secos
Salmão

O risoto de Camarões e Salmão ajudaram a fugir do clássico risoto de frango, o que foi ótimo. Considerando os dois frutos do mar, o de salmão teve um resultado melhor que o de camarão, talvez por estar mais encorpado e o queijo misturado a ele tenha deixado o prato mais saboroso.

Palha Italiana

Partindo para o fim, a sobremesa. Com uma clássica Palha Italiana, podemos dizer que o serviço foi finalizado com chave de ouro. Apesar de ser, teoricamente, um doce simples, não é todo mundo que acerta no ponto desse doce. Muitas vezes deixa mole demais, parecendo um pavê ou até doce demais. Esse estava perfeito, provavelmente feito com cacau ou chocolate amargo, deixando um sabor incrível e uma vontade de pedir um pedaço extra (ou até mais um, para a viagem).

Em relação ao serviço, os atendentes eram atenciosos, preocupados em deixar as mesas limpas após os clientes terminarem algum dos pratos. Porém fica uma dica: um avental com bolso para os talheres (ensacados ou não). Um dos grandes vai e vem dos atendentes é quando se esqueciam dos talhares. Então facilitaria muito para eles e também para os clientes.

Outro ponto foi que os últimos risotos tiveram um pequeno atraso na entrega, mas nada que tenha atrapalhado a experiência. Eu estava com um grupo de amigos, então a conversa se alongou durante esses períodos. Obviamente é um evento teste e isso pode ser corrigido nas próximas vezes.

Foto: Lise Scalcon

Indo para o setor das bebidas, o Prego oferece refrigerantes, águas, cervejas, drinks e vinhos. Talvez uma ideia para um próximo teste, ou até mesmo cardápio final, é apresentar sugestões de bebidas que possam acompanhar todos os pratos ou que possam ser servidas em taças, referente a cada prato. Claro, isso ficaria na escolha de cada cliente. No meu caso, como não sou de beber muito mesmo, acabei ficando na água.


Sobre o espaço físico, ele é bem decorado, com iluminação clara, dois andares e espaço externo (parte dele coberto e outra não). Nas paredes, fotos de pontos turísticos da Europa, além de frases de personalidades luso-ítalo-brasileiras. Mais ao fundo do primeiro andar é possível ver a equipe na cozinha e perto dos banheiros, que tem portas decoradas com papeis de parede florais, existe um espaço para casacos e guarda-chuvas.

Para uma primeira experiência, não posso negar que gostei muito do que o Prego ofereceu. Em relação ao valor do serviço, R$ 45,00 (sem as bebidas), podemos dizer que tivemos um ótimo retorno. Afinal, estamos falando de comida de verdade, e sabemos muito bem que vários fast foods cobram isso, ou mais, por alimentos que te deixam com mais fome.

Pretendo voltar ao Prego para experimentar mais opções como os clássicos portugueses Prego (que dá nome ao restaurante) e Francesinha, além de cafés da tarde nos fins de semana. E pelas fotos, são aqueles bem estilos "da vó". Em breve, o restaurante também oferecerá almoço com prato do dia no primeiro andar e buffet com opções vegetarianas/veganas no segundo andar.

Uma noite de Risotos no Prego Uma noite de Risotos no Prego Reviewed by Lucio Pozzobon on 10:59:00 Rating: 5