Reprodução/Divulgação

A Bienal do Livro de São Paulo anunciou no início da tarde dessa quinta-feira os primeiros autores internacionais confirmados para o evento, que acontece em agosto.

Victoria Aveyard, autora da série "A Rainha Vermelha" estará presente no dia 11 de agosto (sábado). A série conta a história de uma sociedade que é dividida por pessoas que possuem sangue vermelho, e são plebeus, e as que tem sangue prateado, e pertencem à realeza. Mas a protagonista, Mare Barrow, consegue um emprego no palácio e descobre um poder misterioso.


O autor da trilogia "A escola do Bem e do Mal", Soman Chainani, também marca presença no evento, só que no dia 10 (sexta-feira). A saga nos mostra o povoado de Gavaldon, onde a cada quatro anos dois adolescentes desaparecem misteriosamente. Reza a lenda que eles são levados para a Escola do Bem do Mal, em que estudam para se tornar heróis ou vilões das histórias.


Quem também vem ao Brasil é o israelense Yoav Blum, autor do livro “Os criadores de Coincidências”. Ele estará presente no dia 07 de agosto (terça-feira). A obra fala dos eventos aleatórios de nossas vidas, tendo o destino como protagonista. Eric, Emily e Guy trabalham em uma espécie de organização secreta que atua na área entre destino e livre arbítrio, criando situações que dão origem a pensamentos e decisões gerando os mais diversos resultados.


Outra atração desse ano é Lauren Blakely, autora de "Mister O", que vai falar com os fãs no dia 05 (domingo). A obra mostra a história de Nick Hammer, um cara que tem dinheiro e as mulheres aos seus pés. Seu personagem Mister Orgasmo saiu dos gibis e ganhou um programa de televisão, em que é o mentor sexual de vários homens ao redor do mundo, e objeto de desejo para as mulheres.


A 25ª Bienal Internacional de São Paulo acontece de 03 a 12 de agosto no Pavilhão do Anhembi.

Bienal do Livro de São Paulo anuncia primeiros autores internacionais Bienal do Livro de São Paulo anuncia primeiros autores internacionais Reviewed by Desirée Soares on 15:59:00 Rating: 5