Reprodução/Divulgação

"Príncipe da Noite", de Germano Pereira


Em "Príncipe da Noite", Germano Pereira apresenta a história de Gabriel, um brasileiro que mora em Londres e trabalha como psicanalista. Lá, atende seus pacientes e vive uma "vida dupla". Quase sempre, ao encontrar mulheres atraentes, seu "alter-ego/serial killer" as ataca, como fáceis presas. Toda manhã Gabriel acorda com uma mulher diferente em sua cama e o pior é que não lembra quem é ou como chegaram ali. É fácil perceber a dificuldade do personagem em entender quem é Gabriel e quem é o Príncipe da Noite.

Por medo, Gabriel não busca ajuda para resolver esse problema (nem com sua amiga e psicanalista Hilary), pois mesmo quando está medicado, continua acontecendo. Quando o Príncipe "invade" seu corpo, ele visualiza grande parte dos acontecimentos mas não tem forças para agir contra ele. Ele lembra que isso começou a acontecer quando envolveu-se com Rachel, uma paixão passada que o envolveu em um crime e depois "desapareceu".

Só que ele percebe que coisas estranhas estão acontecendo com uma grande frequência quando está possuído pelo Príncipe. Ele vê em seu apartamento sapatos femininos sujos de sangue e depois eles "desaparecem"; palavras aparecem escritas nas suas costas e cabeça e não consegue entender o por que sofreu tal agressão; e ainda começa a receber ligações ameaçadoras e caso não faça o que está sendo pedido, ele pode sofrer ainda mais consequências.

Só que fora do papel de Príncipe, Gabriel tem envolvimento com outras mulheres. Conhecemos Chloé, que possui alguns problemas psicológicos e Gabriel cuida de sua saúde mental há algum tempo, tem uma boa relação com a família dela e ainda afirma que viveria com ela pelo resto de sua vida; Hilary, sua psiquiatra que cuidou de Rachel por um tempo e pode ajudá-lo a compreender um pouco mais de seu passado como Príncipe, mesmo sem ela saber de sua existência; e Sophie, uma radialista que o convida para participar em um programa e descobre que ela foi sua paixão de adolescência, mas com outro nome.

O mais desesperador para Gabriel é quando descobre que Rachel está de volta e além de seus telefonas e encontros casuais, seu atual marido o ameaça por medo de perder a mulher. E ela, parece mais obsessiva por Gabriel do que antes. A partir disso é que ele começa a entender quem é o verdadeiro Príncipe da Noite.

Gostei muito do livro e do enredo. Desde a sinopse, me pareceu interessante e foi um grande prazer ler uma ótima literatura nacional, principalmente com esta temática.

Quando terminei o livro fiquei com aquela vontade de saber o que viria, ou sentindo que algo estava faltando. Só depois que fui descobrir que o autor prepara a sequencia para a história para vermos quais serão os próximos passos de Gabriel para livrar-se do Príncipe. Agora é só aguardar!

"Príncipe da Noite", de Germano Pereira "Príncipe da Noite", de Germano Pereira Reviewed by Lucio Pozzobon on sábado, março 08, 2014 Rating: 5
comentários
DISQUS