Reprodução/Divulgação

Uma Noite Mais que Louca


Assisti ao filme "Uma Noite Mais que Louca" (Take Me Home Tonight)! Confira o que achei do filme:

O filme conta a história de Matt, um garoto formado na faculdade, que trabalha na videolocadora do shopping e não sabe qual vai ser o rumo da sua vida. Ele é irmão gêmeo de Wendy, uma garota inteligente, popular e com um namorado mais popular ainda. Além de Wendy, Matt possui seu melhor amigo Barry, que é um pouco fora de si.

Matt estava em um dia normal de trabalho, quando vê entrando na videolocadora a garota que sempre gostou durante a escola, Tori. Em um momento de desespero, sai correndo, tira o uniforme e entra na locadora como um cliente comum. Ele fica impressionado quando ela começa a falar seu currículo e vê que depois de tantos anos estudando está como um fracassado naquele ambiente e mente que trabalha em um importante banco, lidando com ações japonesas, só para impressionar a garota. Quando ela vê o “potencial”, resolve convidá-lo para a festa do namorado de Wendy, que seria um reencontro dos colegas de Ensino Médio e Faculdade. Matt não quer deixar a oportunidade passar e faz de tudo para que pareça o melhor “partido” para a garota, protegendo-a e livrando-a do chefe que tentava assediá-la.

Durante o filme, muitas “aventuras” acontecem, como Barry roubando um carro da concessionária que trabalhava, usando cocaína e Matt rolando por uma extensa rua dentro de uma bola de ferro.

Caso você goste de filmes com essa temática, vai dar muita risada com todas as situações apresentadas e caso tenha nascido nos fim dos anos 80, início dos 90, vai se identificar com muitas situações da época, principalmente figurinos e cabelos. A única coisa que não entendi foi à questão das imagens de divulgação. O ensaio fotográfico não tem nada a ver com a caracterização dos personagens durante o filme. Imagino que eles esqueceram e tiraram as fotos um tempo depois, ou fizeram antes das gravações e mudaram radicalmente as características dos personagens. Mais um ponto que filme ganha, é com a trilha sonora, que traz clássicos dos anos 80 e 90. Algumas músicas receberam regravações.


É um filme leve, sem preconceitos, que pode ser assistido com toda a família (se você tiver mais de 12 anos)! 

Uma Noite Mais que Louca Uma Noite Mais que Louca Reviewed by Lucio Pozzobon on segunda-feira, agosto 01, 2011 Rating: 5
comentários
DISQUS