Reprodução/Divulgação

'O Enigma de Andrômeda', de Michael Crichton


Com um clima de suspense, mistério e urgência, 'O Enigma de Andrômeda' nos arrasta para o fundo do laboratório ultrassecreto que estudará um satélite espacial que caiu na Terra. Michael Crichton deixa claro ao iniciar o livro que será um relato dividido em 4 dias. Mas foi necessário apenas algumas horas para que eu devorasse o livro completamente.

Entretanto já digo de antemão que esse será um livro daqueles ame-o ou deixe-o, pois em sua construção, o autor desenvolve o problema, nos da detalhes sobre ele, e quando digo detalhes, o negócio é técnico mesmo, a um ponto que pode irritar alguns leitores.

Uma ameaça invisível aniquila uma cidade e apenas duas pessoas sobrevivem. Um satélite espacial cai na Terra. Com o objetivo inicial de investigar possíveis vidas alienígenas, o satélite militar acaba saindo de órbita antes do tempo previsto.

Conforme a trama vai se desenrolando somos apresentados a alguns gráficos e explicações cientificas que servem, claro, para dar mais embasamento à todo a cadeia de acontecimentos descrita, entretanto todo perfil técnico pode acabar assustando leitores menos vorazes.

Vi muitos comentários de pessoas que reclamaram sobre o desenvolvimento parco dos personagens, e sim, isso é real, mas creio que foi uma escolha do próprio autor focar na parte cientifica da narrativa, dar base, estrutura e possibilidades enquanto os personagens são apenas leves condutores dessa descoberta. Aceitando isso, pude levar a leitura com muito mais tranquilidade sem ficar pensando que algo poderia ter sido melhor desenvolvido.

Temos que levar em conta que o livro foi lançado originalmente em 1969 e claro, de lá pra cá o mundo passou por transformações jamais pensadas. Entretanto sua narrativa consegue ser atual e envolvente. Ver como são construídos as instalações e todos os detalhes técnicos implementados em uma base cientifica é um prato cheio para os fãs de ficção e teorias da conspiração como eu.

Por fim temos um final, digamos acelerado, e que pode ser insatisfatório para quem espera desenvolvimentos complexos e detalhados. Isso quebra um pouco do clima construído e mantido ao longo do livro.

Compre 'O Enigma de Andrômeda'

'O Enigma de Andrômeda', de Michael Crichton 'O Enigma de Andrômeda', de Michael Crichton Reviewed by Marko Miller on quinta-feira, outubro 18, 2018 Rating: 5

0 COMENTÁRIOS

Postar um comentário

comentários
DISQUS