Reprodução/Divulgação

Inspirado no jogo Stop, 'Topic Twister' precisa ampliar o banco de dados

Jogar Stop (ou Adedonha, Adedanha) é uma opção prática para qualquer pessoa, em qualquer lugar. É fácil de criar seu próprio jogo e ainda pode ser extremamente difícil de lembrar palavras conforme a categoria escolhida.

Essa semana a etermax lançou o Topic Twister, um jogo que traz as características do Stop convencional, só que em um aplicativo de celular. Com uma instalação rápida e cadastro simples (Facebook ou e-mail) o participante pode convidar um amigo que tem o jogo instalado, enviando uma mensagem com o link da competição, ou escolher o modo aleatório, onde o sistema encontra um competidor online que também está procurando um competidor.

Com categorias que variam entre cores, capitais, roupas, animais, frutas e vegetais e muitos outros, a trajetória do jogo é muito simples e divertida, apesar dos 60 segundos para completar a lista de palavras (isso se ninguém acionar o Stop antes). Em três rodadas você pode ganhar pontos ou simplesmente seguir para um próximo jogo (com um novo participante ou até chamar um competidor que já jogou para uma revanche).



Para mim, o jogo funcionou muito bem, afinal é simples e sem muitas complicações. Trouxe a agonia de esquecer palavras, parecer que a mente está completamente vazia de informações, assim como acontece na clássica versão do papel. 

O grande problema do jogo é a falta de opções de teclado, que impedem o uso de acentos e números, e um banco de dados limitados, principalmente quando precisamos fazer alguma relação com uma personalidade brasileira. Em dois casos, por exemplo, o sistema desconsiderou Sandra de Sá, na categoria Cantora, e Susana Vieira, na categoria Celebridades.

Saindo das personalidades brasileiras, ele também teve vários problemas na categoria 'Personagens Disney', que não reconheceu a gata Marie ou o boneco de neve Olaf. Provavelmente isso pode ser resolvido com uma análise das respostas dos usuários ou simplesmente uma busca maior de informações para ampliar seu banco de dados. 

O jogo não é ruim, mas precisa rever esses pontos para facilitar o uso e ampliar as possibilidades de respostas para que nenhum usuário saia "perdendo". O aplicativo está disponível para Android e iOS.

Inspirado no jogo Stop, 'Topic Twister' precisa ampliar o banco de dados Inspirado no jogo Stop, 'Topic Twister' precisa ampliar o banco de dados Reviewed by Lucio Pozzobon on sexta-feira, julho 03, 2020 Rating: 5

0 COMENTÁRIOS

Postar um comentário

comentários
DISQUS