Reprodução/Divulgação


Sabe quando você pega um livro e se sente preso pela história logo nas primeiras páginas? Foi isso que aconteceu com 'Todo Dia', de David Levithan. Desde o primeiro capítulo me senti envolvido pelo livro e passar várias horas lendo-o nunca era demais.

A obra conta a história de A, que todo dia está em um corpo diferente. Ele não é homem, mulher, branco, negro. A apenas é A. Durante todos seus 16 anos de vida, ele já se apaixonou, mesmo sabendo que aquilo não daria em nada. Mas tudo é diferente quando ele conhece Rhiannon, durante sua breve estadia no corpo do namorado dela, Justin.

Ele tenta nunca se apegar a ninguém, afinal, aquele dia e vida nunca se repetirão, mas Rhiannon mexeu em algo dentro de A. Mesmo depois de deixar a vida de Justin para trás, ele continuou a pensar na garota e decide fazer de tudo para vê-la todo dia.

'Todo Dia' é um livro único, singelo e tocante. Apesar de ser um YA, o que automaticamente faz o leitor pensar que seja uma leitura mais descontraída, David Levithan faz o leitor pensar através das reflexões e mensagens do livro.

Eu imaginava que fosse gostar da obra, mas nem tanto. Apesar de ser narrado em primeira pessoa e A contar sobre seu dia-a-dia e suas tentativas de reencontrar Rhiannon, de certa forma, para mim, esse livro não foi apenas uma narração. Parece um diálogo íntimo entre a obra e o leitor. É impossível, durante a leitura, não criar um vínculo com 'Todo Dia'.

A obra ainda fala sobre sexualidade, família, drogas, doença, além do próprio ser humano. Por viver sempre algo diferente todos os dias, A teve mais experiências na vida que qualquer pessoa poderia ter e daí tenta tirar as melhores coisas para ser alguém melhor.

Esse livro mexeu muito comigo. Me fez abrir os olhos para algumas coisas e ficar refletindo muito depois de ter virado a última página. O final não me fez chorar, mas fiquei com um nó na garganta quando lia o que acontecia. Acho que isso aconteceu pelo fato de tudo parecer real, como se o leitor estivesse vivenciando aquilo junto com A.

'Todo Dia', sem dúvida alguma, entrou para a minha lista de queridinhos e indico para qualquer um que deseja ler um bom livro e sair da mesmice.



Compre 'Todo Dia'

'Todo Dia', de David Levithan 'Todo Dia', de David Levithan Reviewed by Vinicios Costa on 11:52:00 Rating: 5