Reprodução/Divulgação

Tudo que você precisa saber para não parecer um pinguim em Casamentos


Todo mundo fica bem de terno exceto você? Por quê tenho que usar essa roupa estranha? Ou; Qual o segredo dos manequins? Essas perguntas já passaram pela cabeça de muita gente, especialmente de nós, homens descolados, nos preparativos de uma festa de casamento.

O fato é que se você não for advogado ou coisa do gênero, terno e gravata não são seu visual mais habitual. De qualquer forma, um dia você vai ter que usar e é bom saber algumas dicas para evitar parecer um cantor brega dos anos 80.

Formalidade


Ternos são formais mas não precisam ser sempre clássicos. O visual casual tem ganhado muito destaque recentemente. Uma das coisas que aprendi lendo blogs de casamento, para o meu trabalho, foi que nos últimos anos é comum um look cool para homens nesse tipo de evento.

No Brasil, onde o calor impera, é mais comum ternos com materiais mais claros entretanto ternos de tecidos pesados caem bem no inverno de algumas regiões. Uma regra básica é usar cores escuras para eventos noturnos e cores claras para o dia. Na dúvida, pergunte aos noivos o que preferem.

Ternos


Já falei do terno escuro? Mantenha-o passado e justo. Pronto, não tem erro! Mas se quer se aventurar e sabe que os noivos vão até gostar do visual, vale investir em cores mais audaciosas – como grená ou um padrão discreto.

Camisas

Siga a regra de semi-formal - uma simples cor sólida é a melhor opção mas um padrão suave pode funcionar (desde que seu terno seja de cor sólida). Camisas são livres de regras detalhadas então você pode liberar mais criatividade. Mas tenha em mente que as fotos de casamento são para sempre – você não quer ser lembrado como o cara da camisa rosa salmão com listras amarelas, certo?

Sapatos

Use novamente a regra da semi-formalidade. Seus sapatos podem ser de couro, pretos e bem cuidados. Se está preocupado em ficar com um visual muito escuro, detalhes claros no sapato podem aliviar esse problema. Mocassinos também são ser legais desde que sejam cleans.

Acessórios

gravata é bem importante. Alguma brincadeira com cor e padrão é legal mas não fuja muito do clássico (lembre que todo o restante do visual já está bem descolado). Outros acessórios legais são abotoaduras, um relógio ou um lenço de bolso.

Pronto. Com essas dicas você vai deixar de ser o pinguim da festa. De quebra, vai até ficar descolado o suficiente para tentar a sorte com a convidada que pegar o buquê. Boa sorte!


Everson Tavares é blogueiro no Curso de Fotografia e fotógrafo de casamento.
Aprendeu a usar terno como forma de sobrevivência.

Tudo que você precisa saber para não parecer um pinguim em Casamentos Tudo que você precisa saber para não parecer um pinguim em Casamentos Reviewed by Everson Tavares on sexta-feira, março 27, 2015 Rating: 5
comentários
DISQUS